Dia das Crianças: 7 maneiras divertidas para sua loja entrar no clima da data

As crianças já estão em contagem regressiva faz tempo. Agora falta pouco para o dia 12 de outubro chegar, mas ainda dá tempo de criar ações para tirar proveito da data. O Dia das Crianças está entre as três datas comemorativas mais importantes para o comércio eletrônico. Segundo estimativa da e-bit, o setor deve movimentar 1,3 bilhão de reais com as vendas para o Dia das Crianças 2014. É tempo de faturar!

Mas, como todo evento, o Dia das Crianças é uma boa oportunidade de ir além das vendas. A época é boa para construir seu branding, conquistar novos clientes, “bombar” nas redes sociais  e disseminar a sua marca pela web.

Está sem ideia de como aproveitar esse momento? Abaixo lhe apresentamos algumas maneiras de se engajar com a data, independente do seu segmento de atuação. Dá só uma olhada:

1 Entre na onda nostalgia das redes sociais

Não é raro você encontrar, especialmente nas redes sociais, pessoas relembrando com gosto da infância. Aguçar esse momento nostalgia e até mesmo ajudá-los a relembrar boas coisas de sua época pode ser uma boa maneira de se engajar e criar empatia com o público. Claro que se der para encaixar no post um link direcionado para uma oferta sua, ótimo. Se não der, tudo bem, faça do mesmo jeito. O importante é criar esse laço com o internauta que tem grandes chances de se simpatizar com sua marca por causa da imagem que remete àquela época boa. Veja o exemplo da fanpage do Shopping UOL, nas últimas semanas:

2 Mande doces nas entregas

Quando pensamos em crianças, uma das primeiras coisas que vem a mente é doce! Bala, bombom, chocolate, pirulito. Quanta coisa gostosa! E, vamos ser sinceros, não é só criança que gosta de adoçar a boca. Tem horas que fica difícil resistir a um docinho.  Claro que não estamos falando para você incentivar o cliente a quebrar a dieta, ou a obesidade infantil. Mas, de vez em quando, um docinho não faz mal a ninguém. Então, que tal aproveitar a data para enviar junto com as compras realizadas no período, um bombom, uma latinha de balas ou um pirulito? Aproveite e coloque um bilhetinho. Olha como os clientes da loja virtual Beway receberam suas mercadorias no Natal de 2013. Além de uma lata de balinhas, a loja não esqueceu de mandar a sua propaganda. Os clientes satisfeitos tiram fotos, postam no Instagram e assim a empresa vai ganhando fama e clientela.

 3 Coloque foto de criança no Facebook

Nos últimos anos, durante a Semana da Criança, grande parte dos usuários do Facebook costuma mudar sua foto do perfil para uma de quando era criança. Já é uma tradição na rede social e, provavelmente, deve se manter nesse ano. Se você tem um mascote é a chance de entrar na brincadeira. Não precisa necessariamente atualizar a imagem, você pode, simplesmente, colocar a foto de criança em um post durante a semana. O já conhecido pinguim do Ponto Frio entrou no clima, no ano passado. 

O Baianinho, das Casas Bahia, já entrou no espírito do Dia das Crianças 2014. Na fanpage da empresa, além da capa especial, o personagem está em clima de festa.

4 Fotos do fundo do baú ou dos filhos

Toda mãe coruja gosta de fotografar o filho. E muitas delas adoram publicar as fotos para que todos conheçam a sua cria. Incentive seus clientes a enviar fotos dos filhos, sobrinhos, afilhados e etc para que sejam publicadas em seu site ou rede social. Vale também pedir que as pessoas enviem fotos de quando eram crianças ou incentivar os usuários a contarem histórias da época que eram pequeninos. Em 2012, a Magazine Luiza convidou os seus clientes a marcar o amigo de infância na foto e relembrar histórias.

5 Coloque seu escritório no clima e mostre ao seu público

Outra ação legal que a Magazine Luiza promoveu, nesse mesmo ano, foi convidar os funcionários do escritório da empresa a irem trabalhar fantasiados na véspera da data, para relembrar a infância. Todos foram clicados e as fotos foram compartilhadas na fanpage da Lu.

6 Use a criatividade mesmo que seu público não seja criança

Como a maioria das datas comemorativas, sempre há alguns nichos que não conseguem encaixar nada de seu mix de produtos como opção de presente para o dia. Mas isso não quer dizer que não tem como aproveitar a data para, por exemplo, movimentar as redes sociais. Quer um exemplo? Um mercado bem oposto ao infantil, o de produtos eróticos. Até mesmo ele pode aproveitar o ensejo desde que, claro, use o bom senso. A Loja do Prazer, no ano passado, aproveitou para falar sobre a data, sem apelar para o erotismo ou mau gosto. Veja a imagem que eles publicaram em sua fanpage, na data, com a seguinte legenda: Quem disse que isso é só para crianças?

E-mail marketing divertido

Coloque cor e magia nos e-mails enviados em sua loja durante o período. Mesmo que a mensagem não apresente diretamente produtos para o Dia das Crianças, você pode entrar na brincadeira. Mas, claro, não deixando de lado a identidade visual, linguagem e nem a essência de sua marca. A e-Lens, e-commerce especializado em lentes de contato, é mais um caso de uma loja que não tem nada a ver com criança, mas aproveitou a data não só para “fazer uma graça” em seu e-mail marketing, mas também, oferecer frete gratuito para seus clientes no período.

E então, esses exemplos abriram sua mente? Agora é só correr para colocar em prática!

 Fonte: Academia UOLHOST