Prefeitura decreta emergência e recomenda fechamento de shoppings e academias

CONFIRA O DECRETO NA ÍNTEGRA: ediario_20200318175601

 

Em transmissão on-line nesta tarde, o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD) anunciou decreto de estado de emergência na cidade. Ele recomendou o fechamento de shopping centers, academias, de todos os parques de lazer e restrição na frequência dos bares e restaurantes em, pelo menos, 30%.

De acordo com o prefeito, se a ordem for desrespeitada, a prefeitura vai fechar os estabelecimentos, usando o poder policial.

As medidas, conforme Marquinhos divulgou, são para tentar restringir o avanço do novo coronavírus na cidade. São 7 casos confirmados em Campo Grande e, conforme o prefeito, 200 suspeitos.

Foi anunciada ainda a criação de comitê de enfrentamento ao vírus em situação de pandemia, liderado pelo próprio prefeito, com participação do procurador-geral do Município, secretário de Saúde e chefe de gabinete da prefeitura.

A esse órgão, cabe a responsabilidade de monitorar a situação e recomendar a adoção de medidas. Marquinhos comentou que a decisão foi tomada diante do cenário epidemiológico na cidade, onde estão todos os casos confirmados da doença no Estado.

Até agora, só escolas haviam decidido fechar de maneira generalizada. As maiores academias também emitiram comunicado que a partir de amanhã não funcionam. Já os shoppings resolveram apenas diminuir o horário de funcionamento ao período da tarde, de 12h às 20h.

Espaços tradicionais da cidade, como Mercadão, Feira Central e Camelódromo fazem reunião na noite desta quarta-feira para decidir se acatam a recomendação da prefeitura.

Fonte: Campo Grande News